Bem-Estar Corporativo

Benefícios da prática de mindfulness no trabalho

6 de fev. de 2024
Última alteração 6 de fev. de 2024

Você já ouviu falar dos benefícios da prática de mindfulness no trabalho? Com uma metodologia capaz de impactar positivamente a saúde integral dos colaboradores, também ajuda a desenvolver a atenção e habilidades socioemocionais das pessoas. Esse método pode otimizar o desempenho das equipes, apoiar o fortalecimento da cultura organizacional e o desenvolvimento de líderes com visão mais empática e resiliente.

Cuidar do bem-estar e saúde mental da sua força de trabalho deve ser uma prioridade nas empresas atualmente - e também pode ser uma vantagem competitiva. Frequentemente, as pessoas recebem estímulos diversos, como mensagens instantâneas de aplicativos, e-mails, notificações de redes sociais, sem falar na tecnologia aplicada no trabalho. Com isso, administrar o estresse e a ansiedade, manter o foco e o controle emocional diante das adversidades, pode ser um desafio para várias pessoas no ambiente de trabalho. Descubra como o mindfulness pode impactar positivamente as operações da empresa, além de auxiliar a vida profissional e pessoal de colaboradores.

O Futuro do Trabalho.png

O que é mindfulness?

O termo mindfulness, traduzido para o português, significa “atenção plena”. É uma abordagem terapêutica que visa estimular a experiência no momento presente de forma plena e intencional, com melhora de sua atenção e curiosidade. Aplicar essa ferramenta incentiva a vivência de experiências sem rejeitá-las e julgá-las como certas ou erradas. O importante é estar com foco em suas ações quando elas ocorrem, ao mesmo tempo que se percebe as emoções e sensações que elas proporcionam.

O mindfulness é uma forma de obter uma concentração plena com uso de técnicas mentais e recursos que auxiliam as pessoas a lidarem com dificuldades e conflitos de maneira colaborativa e com controle emocional, ao invés de deixar as distrações, pensamentos, sentimentos e responsabilidades tirarem seu foco e equilíbrio. As abordagens de mindfulness são validadas por métodos científicos e usadas mundialmente.

Benefícios do mindfulness 

O objetivo do mindfulness é praticar exercícios de concentração para ensinar a mente a prestar atenção no que está sendo feito agora. Com isso, quem pratica estimula o foco em sua vida, nas tarefas diárias, promove a criatividade, satisfação pessoal e profissional. A saúde mental, porém, é uma das mais beneficiadas.

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil é considerado o país com maior índice de ansiedade, com 9,3% da população nessa condição. Além disso, 59% encontram-se em estado máximo de depressão. A prática de mindfulness é um importante aliado nesse processo, já que possui técnicas que ajudam a controlar as emoções e pensamentos. Veja outros benefícios possíveis:

  • Trata e previne a síndrome de burnout e ansiedade
  • Desenvolve a capacidade de memória e a capacidade cognitiva
  • Melhora da autoestima e autoconfiança
  • Promove um ambiente de trabalho psicologicamente seguro e saudável
  • Desenvolve o autoconhecimento e controle das próprias emoções
  • Aumenta a criatividade
  • Desenvolve a inteligência emocional
  • Auxilia no relacionamento interpessoal
  • Desenvolve novas habilidades comportamentais
  • Estimula pensamentos positivos
  • Promove uma comunicação empática e assertiva
  • Fortalece a resiliência frente aos desafios.

Perceba que os benefícios listados auxiliam a vida pessoal e profissional, pois a prática do mindfulness estimula o desenvolvimento de soft skills, como atenção plena, empatia e resiliência. Essas habilidades são essenciais na execução de tarefas e para relacionamentos interpessoais no trabalho, fatores que impactam positivamente na produtividade e satisfação.

Protocolos existentes de mindfulness

MBSR — Mindfulness Based Stress Reduction

Criado nos Estados Unidos em 1979, o MBSR foi o primeiro protocolo de mindfulness do mundo. É um programa de redução de estresse, criado para atender às necessidades de pessoas que sofriam com estresse e doenças crônicas. Sua aplicação foi ampliada para os casos de transtornos de ansiedade e depressão, presente em diversas áreas, como a da saúde, da educação e ramos corporativos de diferentes segmentos.

MBCT — Mindfulness Based Cognitive Therapy

Elaborado pelo professor Mark Williams, da Universidade de Oxford, e seus colegas Zindel Segal (Universidade de Toronto) e John Teasdale (Universidade de Cambridge), liga a terapia cognitiva e comportamental, criada em 1960 por Aaron T. Beck, ao programa MBSR. É uma terapia cognitiva baseada em mindfulness, elaborada inicialmente para apoiar pessoas com crises repetidas de depressão e em seguida, foi ampliada para cuidados com a saúde mental como um todo. Esse método alia conceitos da terapia cognitiva com técnicas de meditação mindfulness, por meio do foco e atenção plena nas atividades diárias. Visa ajudar as pessoas a reconhecerem comportamentos que geram depressão, ansiedade e como lidar com essas situações de forma preventiva e terapêutica.

MBHP — Mindfulness Based Health Promotion

Metodologia criada em 2009 pelo professor Marcelo Demarzo na Universidade Federal de São Carlos e após 2011, aprimorada pelo Centro Mente Aberta na Universidade Federal de São Paulo — UNIFESP. Sua abordagem de promoção da saúde baseada em mindfulness é um protocolo nacional voltado especialmente para a promoção da saúde e qualidade de vida. Também teve sua origem baseada no protocolo original MBSR e alia elementos de outros protocolos, como o MBCT, os programas de mindfulness do Instituto Breathworks (Reino Unido) e o MBRP. O MBHP visa desenvolver autonomia e autoeficácia em saúde por meio de um estado de consciência plena e da prática regular de mindfulness.

ABCT — Attachment-Based Compassion Therapy

A terapia de compaixão baseada nos estilos de apego (ABCT) é um programa de psicoterapia de terceira geração que integra conceitos e práticas de compaixão com a teoria psicanalítica dos estilos de apego de Bowlby. Foi desenvolvido especialmente para países de língua portuguesa e espanhola, com base nas características culturais e dos sistemas de saúde desses países.

Como praticar o mindfulness no trabalho

Como você viu, o mindfulness pode auxiliar na motivação das pessoas e na eficiência operacional. Mas é possível implementar essas práticas no ambiente de trabalho? Veja como você pode estimular isso em sua empresa:

  • Realize palestras ou workshops convidando profissionais para ensinar como começar do zero.
  • Disponibilize um ambiente tranquilo em sua empresa para certas práticas de mindfulness.
  • Ofereça um pacote de benefícios que estimule práticas de atividades de bem-estar.

Cuidado holístico com a saúde de sua força de trabalho

Você sabia que 93% da força de trabalho acredita que o bem-estar é tão importante quanto o salário? O Gympass oferece uma plataforma completa em benefícios voltados para a saúde e qualidade de vida, apoia seus colaboradores em diversas áreas, como, adotar uma alimentação balanceada, estímulo a atividades físicas, apoio psicológico e inclusive à prática de mindfulness. Converse com um de nossos especialistas em bem-estar e entenda como podemos ajudar sua empresa.

Fale com um especialista em bem-estar_BR2.png

Referências


Compartilhe


Gympass Editorial Team

A Equipe Editorial do Gympass traz aos líderes de RH as informações necessárias para promover o bem-estar dos colaboradores. Em um cenário profissional em rápida evolução, nossas pesquisas, análises de tendências e guias práticos são ferramentas importantes para levar cada vez mais satisfação e saúde ao ambiente de trabalho.