Bem-Estar Corporativo

6 dicas para melhorar o alcance de metas da sua equipe

8 de mar. de 2024
Última alteração 8 de mar. de 2024

É natural que as empresas sempre busquem superar seus resultados, expandir e alcançar seus objetivos para se manterem lucrativas e relevantes no mercado. No entanto, às vezes isso é mais fácil de falar do que de fazer. O alcance de metas em uma organização pode ser influenciado por diversos fatores. Embora não seja possível controlar todos eles, você ainda pode melhorar suas chances de sucesso implementando as estratégias e as práticas corretas.

Para tanto, as lideranças têm um papel central ao ajudar equipes a manterem um desempenho consistente e alcançarem as metas estabelecidas de forma ideal. Como o próprio RH está intimamente relacionado à cultura organizacional, ao desenvolvimento das pessoas no trabalho e à comunicação interna, o departamento pode assumir um papel estratégico e contribuir para um maior envolvimento dos colaboradores.

Mostraremos a seguir algumas práticas e recomendações que podem ajudar sua empresa a alcançar metas e a gerir resultados.

Estudo ROI do Bem-Estar 2023

Qual é a diferença entre meta e objetivo?

Embora os dois termos muitas vezes sejam usados de forma intercambiável, há sim uma diferença entre eles. De modo resumido, o objetivo é o resultado desejado ou a projeção de médio ou longo prazo de como você vê uma área, aspecto ou projeto da empresa. Já a meta é tal objetivo desdobrado em números, ações, esforços e indicadores mensuráveis, como desempenho e produtividade, e o período necessário para que sejam obtidos.

Por exemplo, digamos que o objetivo da sua empresa é ser reconhecida como a melhor empregadora do seu setor de atuação. Para alcançá-lo, as lideranças de RH determinam as metas de aumento da retenção de talentosdiminuição do turnover e melhoria dos índices de satisfação e engajamento dos colaboradores em pelo menos 10% em um dado período. Você tem um resultado pretendido e os componentes que precisam ser alcançados, de forma mensurável. Com base nisso, você sabe quais esforços e medidas precisarão ser implementados para atingir os índices definidos.

O que é e a importância de gestão de metas e resultados

A gestão de metas e resultados é uma forma de conduzir as ações de um projeto e seus recursos disponíveis (como pessoas, tecnologia, tempo e dinheiro) em direção aos objetivos estratégicos e ao alcance das metas da empresa. 

Essa é uma ferramenta para identificar onde a organização quer chegar, o que precisa ser feito e qual a melhor rota a ser tomada. É como um roteiro que oferece uma dimensão maior do que foi planejado, um melhor controle das atividades e mais transparência tanto para a gerência quanto para os colaboradores.

Acompanhar e gerenciar metas é imprescindível para ter uma visão geral do progresso que está sendo feito, ter controle sobre os fatores de sua responsabilidade e monitorar o caminho que está sendo trilhado. Tal prática ajuda na gestão dos esforços envolvidos e garante um melhor preparo, tanto para manter um fluxo de trabalho harmonioso quanto para lidar com desvios ou imprevistos que possam ocorrer.

Algumas outras vantagens de fazer uma gestão eficiente de metas e resultados são:

  • Maior clareza das prioridades e ações da empresa
  • Melhor desempenho das equipes
  • Visão estratégica dos processos e das tarefas
  • Planejamento mais eficaz
  • Comunicação mais assertiva com as partes envolvidas
  • Mensura de resultados individuais e de equipe
  • Aumento do engajamento do time
  • Aumento da produtividade
  • Promoção do espírito colaborativo
  • Otimização dos recursos empregados
  • Perspectiva mais abrangente de futuro e de propósito

Dicas para gerenciar e melhorar o alcance de metas da sua equipe

Confira algumas dicas e recomendações que podem ajudar você e sua equipe a alcançar metas e a gerir resultados de curto, médio e longo prazos:

  1. Definir metas claras e realistas

Ao definir metas para sua equipe, é necessário que elas sejam claras e realistas. Caso contrário, pode haver um efeito negativo de frustração, descrença ou desmotivação no pessoal. É essencial que tanto as metas individuais quanto as coletivas façam sentido para os colaboradores, sejam relevantes para seu desenvolvimento profissional e agreguem valor. 

Além disso, o plano para o alcance de metas deve ser compreensível, detalhado e considerar fatores como o limite de atuação, o cargo e a experiência de cada membro do time. Isso não só contribui para a motivação, produtividade e engajamento dos colaboradores, mas também facilita a apresentação de métricas e simplifica a gestão do projeto como um todo.

  1. Estabelecer metas de forma inteligente

Não adianta estabelecer metas e planos ambiciosos se eles forem complexos demais ou essencialmente inalcançáveis. Isso pode gerar frustração e desmotivação, além de prejudicar o desempenho e o engajamento das equipes. Metas precisam ser realistas e práticas, em conformidade com os objetivos e as estratégias da empresa. Quando a empresa conhece bem seus colaboradores, é possível delegar tarefas que estejam à altura de suas características individuais, por exemplo. É nesse momento que o RH e as lideranças podem trabalhar juntos para aproveitar ao máximo o potencial único de cada indivíduo.

  1. Fazer um plano de ação

Essa é uma parte essencial no processo de definição e alcance de metas, pois ajuda a organizar e estruturar suas ações, acompanhar o desenvolvimento e fazer os ajustes necessários. O simples fato de determinar as etapas individuais e marcá-las conforme são concluídas fará com que sua equipe veja que está progredindo em direção ao objetivo final. Isso é especialmente importante se a meta for ambiciosa ou de longo prazo.

Quando você divide as metas em pequenas ações, consegue ganhar mais previsibilidade sobre o andamento e assegura a consistência e o progresso contínuo. É uma forma de estipular o que cada membro precisa fazer, e monitorar o desempenho do time.

  1. Aproveitar as ferramentas do setor

Para auxiliar você a definir e alcançar metas engajadoras e motivantes de forma eficiente, é possível aproveitar diversas ferramentas e metodologias existentes. Elas podem ajudar a estruturar e acompanhar melhor todo o processo envolvido. 

Confira algumas das metodologias que podem ser usadas em conjunto, já que cada uma atende uma parte do processo de gestão de metas e resultados:

4.1 Análise SWOT

Também conhecida como matriz SWOT (ou Análise FOFA), é uma ferramenta usada para fazer a avaliação de viabilidade e o planejamento estratégico de empresas e de projetos. Seu nome vem do acrônimo em inglês e significa:

  • Strengths (Pontos fortes)
  • Weaknesses (Pontos fracos)
  • Opportunities (Oportunidades)
  • Threats (Ameaças)

Essa ferramenta pode ser utilizada de forma ampla para setores ou organizações e a partir do resultado do levantamento desses 4 contextos, elegem-se metas e objetivos mais específicos, assim como prioridades e estratégias.

4.2 Metodologia SMART

É uma das metodologias de gestão de metas mais populares entre as empresas. O método SMART é amplamente difundido tanto entre executivos de alto nível quanto entre microempreendedores. O acrônimo em inglês significa:

  • Specific (específico): metas claras e bem definidas
  • Measurable (mensurável): critérios mensuráveis e objetivos para demonstrar o progresso rumo à realização
  • Achievable (alcançável): possível de alcançar
  • Realistic (realista): consistente e relevante ao propósito
  • Timely (temporal): deve haver um prazo bem definido para acontecer, com início e fim.

4.3 OKR (Objective Key Results ou Objetivos e Resultados-Chave)

Muito usada entre as empresas do Vale do Silício e do setor de tecnologia em geral, é uma abordagem ideal para organizações que buscam otimizar seus modelos de gestão e escalar os negócios de forma simples. A metodologia OKR ajuda organizações a definir objetivos ambiciosos, mas alcançáveis, e a acompanhar seu progresso de forma regular. Esse método é composto por dois elementos principais:

  • Objetivos: são declarações concisas e inspiradoras que descrevem o que a organização deseja alcançar.
  • Resultados-chave: são indicadores mensuráveis que mostram o progresso em direção aos objetivos.

 

Observação: há uma sequência lógica para usar a Análise SWOT, OKR e Metodologia SMART para estruturar o alcance de metas de uma organização.

  1. Análise SWOT é uma ferramenta geralmente utilizada na fase de diagnóstico, ajudando a organização a identificar seus pontos fortes, fracos, oportunidades e ameaças. Essa análise é importante para ajudar a definir metas que sejam realistas e alcançáveis.
  2. Em seguida, a organização pode começar a definir seus objetivos, que devem ser SMART, ou seja, específicos, mensuráveis, atingíveis, relevantes e temporais.
  3. Metodologia OKR pode ser usada para definir resultados-chave para os objetivos. Tais resultados são indicadores mensuráveis que mostram o progresso em direção aos objetivos.

4.4 Growth Hacking

Trata-se de uma metodologia que direciona as metas rumo ao crescimento escalável e sustentável dos negócios. Usada principalmente por startups, é vista mais como uma maneira de pensar do que como um método. Com o Growth Hacking, é possível construir melhores práticas com base em hipóteses e experimentos que seguem o princípio “Se (Variável), Então (Resultado), Porque (Análise racional)”.

O Growth Hacking é uma ferramenta poderosa que pode ajudar as organizações a alcançar seus objetivos de forma mais rápida e eficaz. Ao combinar as metodologias Análise SWOT, OKR e Metodologia SMART com o Growth Hacking, você pode ajudar a empresa a ter uma visão mais ampla de seus objetivos e como alcançá-los.

Essas são apenas algumas ferramentas para melhorar a definição de objetivos e o alcance de metas de uma organização. Existem muitas outras e tudo dependerá da cultura organizacional e a sensibilização da gestão para sua utilização.

  1. Cultivar a transparência e a boa comunicação

A transparência e a boa comunicação contribuem diretamente para o alcance de metas. O ideal é deixar o planejamento e os resultados claros e acessíveis a todas as partes envolvidas. Criar canais de comunicação abertos a toda a organização é indispensável para mostrar o que está dando certo ou não. 

Além disso, oferecer espaços de feedback regulares, em grupos ou individuais, conduzir reuniões periódicas com as gerências e estimular a utilização de relatórios de desempenho também pode ajudar os colaboradores a compreender onde estão se saindo bem e onde precisam melhorar.

  1. Compartilhar e celebrar cada vitória e conquista

Por fim, é importante que as conquistas e metas alcançadas sejam compartilhadas e celebradas. Isso gera visibilidade dos resultados e estimula ainda mais produtividade e desempenho. Uma pesquisa aponta que reconhecer a qualidade do trabalho das pessoas faz com que as equipes sejam de duas a quatro vezes mais engajadas e busquem resultados com mais rapidez.

Isso mostra que o reconhecimento profissional é de grande relevância para a dinâmica do ambiente de trabalho e pode ser aliado a recompensas de vários tipos para mostrar às pessoas que seus esforços são valorizados. Essa medida motiva seu time, fazendo com que os membros continuem focados em trabalhar e perseguir os objetivos da empresa.

Qualidade de vida para melhorar os resultados

Uma maneira de potencializar os resultados da sua equipe e estimular sua produtividade e desempenho é através do investimento na qualidade de vida dos colaboradores. O Panorama do Bem-Estar Corporativo 2024 mostra que o bem-estar das pessoas impacta diretamente sua produtividade no trabalho e 90% das empresas que medem o retorno de suas iniciativas relacionadas constatam um ROI positivo.

Nesse sentido, programas de bem-estar no trabalho são uma ótima opção para contribuir para a saúde do seu pessoal e incentivar o bem-estar pessoal e profissional. O Gympass dispõe de uma rede de centenas de academias, estúdios, aplicativos e aulas de diversas modalidades para que seus colaboradores cuidem de sua saúde física, emocional e mental, através de uma abordagem holística e individualizada.

Fale com um de nossos especialistas em bem-estar e saiba como podemos ajudar sua empresa.

Fale com um especialista em bem-estar_BR1.png

Referências


Compartilhe


Gympass Editorial Team

A Equipe Editorial do Gympass traz aos líderes de RH as informações necessárias para promover o bem-estar dos colaboradores. Em um cenário profissional em rápida evolução, nossas pesquisas, análises de tendências e guias práticos são ferramentas importantes para levar cada vez mais satisfação e saúde ao ambiente de trabalho.