Bem-Estar Corporativo

Como funciona um banco de talentos?

21 de fev. de 2024
Última alteração 21 de fev. de 2024

Recrutar e selecionar profissionais para preencher vagas pode exigir muitos esforços de uma empresa. Pode haver desafios, como encontrar candidatos qualificados, competir com outras organizações no mercado e precisar implantar medidas de retenção de talentos. Contratações também podem consumir tempo do setor, em especial se o RH tiver que reiniciar todo o processo sempre que surgirem novas demandas. É por isso que formas de otimizar e agilizar os procedimentos envolvidos tornam o recrutamento e a seleção mais eficientes.

Uma ferramenta muito útil nesse sentido é o banco de talentos, que funciona como uma base de dados de candidatos e colaboradores e facilita o processo de busca e contratação de profissionais.

Confira, a seguir, qual é a importância de um banco de talentos bem estruturado, saiba que benefícios e vantagens oferece para sua empresa e veja como você pode criar um e aproveitá-lo da melhor forma. 

Disputa por talentos - benefícios e employer branding.png

O que é um banco de talentos?

Um banco de talentos é uma ferramenta que reúne informações sobre candidatos a vagas em sua empresa. Em geral, os profissionais incluídos são altamente qualificados e já manifestaram interesse em fazer parte da sua equipe anteriormente. Um pool de talentos pode ser composto tanto por pessoas externas quanto pelos próprios membros que já fazem parte do time.

Bancos de talentos permitem que as empresas cultivem relacionamentos com profissionais cujas habilidades e conhecimentos estejam alinhados às demandas e aos valores da organização, além de ser uma forma de reunir diversos perfis compatíveis em um só lugar.

Para que seja eficaz, sua base de dados deve conter desde informações pessoais sobre cada candidato, como idade, número de telefone, e-mail e endereço, até características técnicas, como formação acadêmica, competências profissionais, experiência de trabalho, especializações, possíveis funções a serem ocupadas e avaliação do fit cultural. Desse modo, você não precisa iniciar o processo de recrutamento do zero toda vez que surgir uma nova posição na equipe.

Criar, manter e cultivar uma reserva de perfis profissionais qualificados é uma estratégia sólida para garantir que a sua empresa seja capaz de atender às suas necessidades de pessoal de curto e de longo prazo.

O papel do banco de talentos para os processos de recrutamento e seleção

O principal papel de um banco de talentos é tornar o processo de recrutamento e seleção mais eficiente e assertivo. Ao usar essa ferramenta, você consegue minerar perfis, classificá-los e distingui-los sob diferentes aspectos, como formação, pretensão salarial, adequação à cultura corporativa ou conflito entre candidatura e competências. Isso aumenta as chances da empresa contratar uma pessoa que atenda às necessidades da equipe, valoriza seus colaboradores, otimiza o trabalho do RH e fortalece o employer branding.

Bancos de talentos são ótimos para empresas que estão crescendo rapidamente, mas também são ideais para organizações que querem fazer contratações estratégicas. Ter sempre uma reserva de perfis à disposição significa que o RH pode contratar pessoas de forma mais resiliente, já que é possível preencher vagas que surgem do nada ou cargos que ajudam a enfrentar novos desafios.

Ao atuar como uma extensão do planejamento de equipe, os bancos de talentos são um componente essencial do RH, pois possibilitam que o time de recrutamento crie um “acervo” de profissionais para suprir necessidades futuras. Assim, você pode ajudar sua empresa a se preparar para possíveis demandas e alcançar suas metas estratégicas de pessoal de maneira precavida.

Os benefícios de um banco de talentos

Mesmo com um cenário econômico aparentemente mais favorável, baixas históricas da taxa de desemprego e número recorde de pessoas ocupadas no país, o recrutamento e a seleção de talentos continua a desafiar as empresas nos últimos anos. Além de desempenhar as tarefas típicas do cotidiano da gestão de pessoas, o RH precisa conciliar os desejos e as necessidades das organizações e dos membros da equipe e investir em medidas para atrair candidatos e melhorar os índices de turnover. Na busca por profissionais no mercado de trabalho, um banco de talentos pode ser uma ferramenta poderosa tanto para organizar e otimizar esse processo quanto para direcioná-lo melhor.

Nesse sentido, um banco de talentos bem estruturado pode trazer diversos benefícios e vantagens para sua empresa. Veja alguns exemplos:

Seleção adequada de habilidades e competências

Um banco de talentos eficiente e bem organizado pode auxiliar o trabalho de recrutamento ao fazer a triagem dos perfis adequados e buscar as habilidades e experiências necessárias para as vagas em questão. Fica mais fácil encontrar as pessoas com as qualificações específicas que a empresa quer, e você poupa tempo ao analisar apenas candidaturas compatíveis com as funções ofertadas.

Agilidade e otimização dos processos seletivos

Processos seletivos podem ser dispendiosos e desafiadores. Anunciar vagas, receber currículos e analisar todas as informações de cada pessoa pode tomar muito tempo. Quando você tem um banco de talentos, uma parte desses procedimentos pode ser feita de forma automática com a ajuda de ferramentas digitais. Ao surgir uma próxima demanda, o RH já conta com diversos perfis organizados e classificados e não precisa repetir certas etapas. Isso torna a seleção do candidato adequado mais rápida, barata e eficiente.

Maior organização para o RH

Organização é uma palavra-chave quando o assunto é contratar talentos. Como o banco de profissionais funciona como um arquivo que pode ser atualizado e acessado a qualquer momento, é mais fácil encontrar currículos e perfis que estejam de acordo com as exigências e necessidades da organização e da vaga. Você otimiza o processo de seleção e o torna mais assertivo.

Redução de custos

Toda contratação tem um custo que depende do tipo de vaga em aberto, da dificuldade de achar pessoas adequadas e dos esforços envolvidos em todo o processo de seleção. Outra grande vantagem de ter um banco de talentos bem organizado é que muitas dessas etapas podem ser conduzidas de forma proativa, economizando tempo e dinheiro. Em vez de anunciar vagas em diversas plataformas sempre que surgir uma necessidade na empresa, você pode recorrer primeiro ao seu acervo de profissionais cadastrados e categorizados.

Melhor experiência para os candidatos

Como você já conhece o perfil dos profissionais incluídos no banco de talentos, isso elimina as etapas iniciais de recrutamento. Ao surgir uma vaga compatível, só é necessário entrar em contato com a pessoa para dar os próximos passos. Isso agiliza o processo de contratação e melhora a experiência dos candidatos, além de evitar a ansiedade e a pressão que muitas vezes podem fazer parte de rotinas seletivas.

Como montar um banco de talentos

Confira algumas dicas e recomendações para ajudar você na hora de criar e organizar o banco de talentos da sua empresa e aproveitá-lo ao máximo:

  1. Aprimore a elaboração e divulgação das vagas

A maneira como as vagas da sua empresa são anunciadas é crucial para a atração e o recrutamento de talentos adequados. Por isso, é necessário criar anúncios claros e objetivos, com as exigências e expectativas bem definidas para cada função. Você pode usar diversas plataformas digitais e redes sociais profissionais para aumentar o alcance e a visibilidade do público que você quer atingir.

  1. Conte com uma plataforma digital para gestão de candidaturas

Uma ferramenta de gestão de recrutamento e seleção é essencial para haver maior organização e facilidade no processamento de candidaturas. Afinal, de nada adianta ter centenas de currículos em uma gaveta ou pasta online sem um recurso de busca e filtragem que ajude você a encontrar o que procura. Existem diferentes soluções de software e plataformas online disponíveis no mercado, inclusive com funções de anúncio de vagas, categorização de perfis e gerenciamento de informações pessoais. 

  1. Mantenha a lista de currículos atualizada

É importante manter as informações do seu banco de talentos sempre atualizadas. Currículos muito antigos podem ser facilmente descartados, pois os dados contidos podem não atender mais às necessidades da empresa ou não refletir a realidade dos candidatos. Muitas plataformas online oferecem recursos que possibilitam que os próprios profissionais façam alterações em seus perfis e continuem ativos no banco.

  1. Separe os currículos por categoria

Procure segmentar e separar seus talentos em categorias e grupos menores com base em determinados critérios, como setor da empresa, profissão, interesse, fit cultural, experiência ou habilidades. Isso ajudará você a adaptar sua comunicação e conteúdo a cada segmento e a oferecer a experiência mais personalizada possível, além de facilitar a busca por informações no futuro.

  1. Crie filtros de perfis

Filtros de perfis podem ser ótimos aliados para buscar e selecionar profissionais. Assim, você direciona melhor a pesquisa de talentos e economiza tempo para encontrar o que quer. Na hora de escolher uma plataforma digital de gestão de recrutamento e seleção, esse é um recurso indispensável.

  1. Atente-se à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD)

Um banco de talentos armazena informações pessoais e profissionais das pessoas cadastradas, por isso, é necessário garantir a proteção de tais dados. Apenas membros autorizados da equipe podem ter acesso ao arquivo, e os protocolos de segurança e criptografia devem ser sempre atualizados. A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) foi criada para salvaguardar tais informações e exige que diversos procedimentos sejam conduzidos regularmente. É recomendado aprofundar-se sobre o assunto para manter a conformidade da empresa e da base usuária.

  1. Realce o aspecto humano do processo

Um aspecto que não deve ser deixado de lado é a abordagem humana da gestão de pessoas. As tecnologias servem para automatizar tarefas repetitivas e otimizar os procedimentos envolvidos, mas é de extrema importância dar a devida atenção às questões humanas do recrutamento. O tempo que o RH economiza por não precisar reiniciar o processo para cada nova vaga pode ser usado para conhecer melhor os candidatos, escolher perguntas mais estratégicas, planejar as entrevistas e elaborar dinâmicas de grupo eficientes, por exemplo.

Bem-estar para os talentos da sua empresa

As pessoas hoje em dia buscam flexibilidade nas empresas e não são motivadas apenas por bônus e ganhos financeiros. Benefícios corporativos estão entre os principais interesses dos profissionais ao considerar uma vaga de emprego, e o bem-estar ocupa um espaço de destaque nesse sentido.

Segundo dados do Panorama do Bem-Estar Corporativo 2024, 93% dos profissionais consideram seu bem-estar tão importante quanto o salário. Já 87% disseram que considerariam sair de uma empresa que não focasse nesse aspecto para os colaboradores. Isso mostra que investir em programas que promovam a saúde e a qualidade de vida da sua equipe, dentro e fora do horário de trabalho, é uma forma de atrair e reter os melhores talentos. Desse modo, você pode fazer uma contribuição significativa para a employee experience e uma relação saudável e harmoniosa entre vida pessoal e profissional.

E quando o assunto é bem-estar, o Gympass pode oferecer a solução certa para sua equipe. Fale hoje mesmo com um de nossos especialistas para saber mais.

Fale com um especialista em bem-estar_BR1.png

Referências


Compartilhe


Gympass Editorial Team

A Equipe Editorial do Gympass traz aos líderes de RH as informações necessárias para promover o bem-estar dos colaboradores. Em um cenário profissional em rápida evolução, nossas pesquisas, análises de tendências e guias práticos são ferramentas importantes para levar cada vez mais satisfação e saúde ao ambiente de trabalho.